Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

PRONTO PARA EXISTIR
Por saber que não se sabe às vezes
Vezes houve onde tudo o que se sabia
Era o que o saber nada valia
Mas eis que valeu a vida
Saber tudo aquilo que se sabia
A ponto de saber que o não saber
Custa muito à vida

E de repente o querer
Mais do que querer
Rompeu o muro da ignorância
E suscitou o poder da vontade
Daqueles que nascem para existir
Prontos para vida
Udo
Enviado por Udo em 20/02/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Marcelo Udo - http://recantodasletras.uol.com.br/autores/udo). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários