Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


SEU JOGRAL

Encontrei-a no caminho,
sob o sol terno e tão brando.
Mais uma taça de vinho,
flechando-me enquanto eu ando.

Que não seja mero engano
de querê-la lado a lado.
Eia, Deus, olhe meu Plano...
E os beijos, quero um bocado.

Do reino das borboletas,
da palavra sem igual.
E mostre-me suas metas,
pois, eis-me aqui o seu jogral.

Saltei p'ra dentro de mim
e vi você me esperando,
em tudo alçamos um fim
e no amar mais do que amando.

Faz de mim amontoado
enquanto em você sonhando.
Enfim estou abobado
não tem volta, só voando.
Udo
Enviado por Udo em 23/03/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Udo - http://www.udo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários