Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


SONETO DOS OLHOS CONJUGANDO 

Eu tenho de nos olhos o contato
manter como se fossem um portal,
que tenha o dom de amores num UAU
e a senha do sorriso assi' imediato.

Que o beijo involuntário, pronto e no ato 
mostre donde a potência é sem o mal,
percorra este bem todo pelo Sal
e Luz do mundo quistos como trato.

E se imperante alento, o jeito amando,
vivificante e atento à perspicácia
instigante é de tê-la namorando,

pois insistente me é a dor calando,
temente medo, a tola e muda audácia,
preso ali e só nos olhos conjugando.
Udo
Enviado por Udo em 24/06/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Udo - http://udo.recantodasletras.com.br/). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários