Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


SONETO PELA SARÇA ARDENTE

Quem "tirado das águas"¹ tem no nome,
por aqueles que assim foram no Egito
cativos, sem lembrar José², bendito,
que desde antes ali, este fez renome?

E salvo foi Moisés das águas, some
da morte, que os pequenos, como rito,
da humanidade o aborto então descrito
nas páginas da morte que consome.

Nossa Virgem Maria, a sarça ardente³,
por quem nosso Deus trino veio ao mundo,
antes dela outra em chamas tão luzente,

que surgira a Moisés e tocou fundo:
"Eu sou o que sou" * e portanto mui evidente,
guiando o povo até um lugar fecundo.


[1] Moisés significa "tirado das águas";
[2] José, filho de Jacó, governador do Egito;
[3] Catecismo da Igreja Católica 724. Em Maria, o Espírito Santo manifesta o Filho do Pai feito Filho da Virgem. Ela é a sarça ardente da teofania definitiva: cheia do Espírito Santo, mostra o Verbo na humildade da sua carne; e é aos pobres (94) e às primícias das nações (95) que Ela O dá a conhecer;
[*] (Ex 3, 14).
Udo
Enviado por Udo em 24/06/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Udo - http://udo.recantodasletras.com.br/). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários