Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


A SANTA MARIA

Quis lá com todos estar,
pela Mãe entristecendo
ao vê-LO na Cruz sangrar
para o bem sair vencendo.

Os meus olhos se fechando
p'ra sentir aquilo tudo,
naquele dia amargando,
meu terror preso e tão mudo.

Magdalena está chorosa,
até João se perdia
na dor da Cruz dolorosa
ninguém dizia, vivia.

O mundo só ali estava,
como a janela de LUZ
que fortemente o amava
no caminho que conduz.

João está perto delas,
continuou sem fugir,
partilhou a dor com elas
sem medo dali partir.

De repente algo ele diz,
olhando aquela janela,
como um rabisco de giz
último se lança nela.

Maria neste momento
sente o filho despedir
no mais dorido lamento
que uma mãe possa sentir.
Udo
Enviado por Udo em 13/04/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Udo - http://www.udo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários