Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


NOSSO CASO DE AMOR

Eu deparei-me comigo,
ali perdido no acaso;
e todo preso contigo
num puro e amoroso caso.

Sair de lá não queria;
pois voltaria a ser eu
de um jeito que sangraria
num sonho que não se deu.

A semente desta flor
é um tanto assim diferente;
pois, dois juntos chãos de amor
precisam-se qual nascente.

E só meu chão em descaso
estava entre estes meus dedos
escorrendo o nosso caso,
os não-beijos e segredos.
Udo
Enviado por Udo em 12/07/2016
Alterado em 13/07/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Udo - http://www.udo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários