Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

A SAGRADA ETERNA ALIANÇA
O caminho às vezes se fecha,
Tal nuvem cinza que preenche o céu.

Preechendo um tipo diferente de mecha,
Com o pano transparente de um véu.

O véu se desprende e navega
Por mil gostos semelhantes a mel.

Navegando pelo caminho se cala,
E esconde o presente com o chapéu.

O céu se expõe com véu e chapéu,
A noite chega e o esconde
Com lantejoulas de todos os tamanhos e brilhantes.
Ela aprimora o caminho dos viajantes,
Alertando suas mentes e os fazendo sempre amantes.
E outro dia vem como quadro à parede
Novo Sol como à estante um troféu
Fazendo da vida esse tentar incessante
Buscando Deus e só o tendo quando no peito
Por um instante convidá-lo a ser para sempre
No seu corpo morada da sagrada palavra
E dizer que segue Aquele que o Caminho, a Luz e a Vida
Fez de tudo a GRAÇA e a SAGRADA ETERNA ALIANÇA.
Udo
Enviado por Udo em 13/12/2009
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Marcelo Udo - http://recantodasletras.uol.com.br/autores/udo). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários