Passear com Palavras em Passos de Poesias
Um dia, de repente, comecei a recitar versos conforme caminhava e aquilo acalmou minha alma.
CapaCapa
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

POESIA NOVA
Pela porta azul do mundo,
Que se virou pela ventania,
Ouvi um som que ninguém mais ouvia.

Bem lá num tom profundo,
Era sua voz, cheia de melodia,
E junto do sol faziam o novo dia.

Na porta ou na janela,
Não importa qual o dia.
É o universo inteiro

Em nova poesia.
Udo
Enviado por Udo em 22/10/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Poeta Marcelo Udo - http://recantodasletras.uol.com.br/autores/udo). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários